Destaques

As notícias principais do site da paróquia estão aqui reunidas sob a etiqueta DESTAQUES.

NOC | O Mandamento do Amor

23 outubro, 21h30 | Apresentação do livro

Jornada Mundial da Juventude | JMJ Lisboa 2023

A Jornada Mundial da Juventude (JMJ) é um encontro dos jovens de todo o mundo com o Papa e também uma peregrinação, uma festa da juventude, uma expressão da Igreja e um momento de evangelização. A próxima edição já tem data e local marcados: Lisboa, de 1 a 6 de agosto de 2023. Convidamos todos os paroquianos a participar nas Eucaristias dos próximos dias 23 e 24 de outubro, que terão a participação mais visível da Comunidade Juvenil, para iniciarmos a caminhada rumo à JMJ. Contamos com todos para dizermos: “JMJ Lisboa 2023: Amadora a caminho”!

Orientações da Conferência Episcopal Portuguesa | A partir de 1 de outubro

Orientações da Conferência Episcopal Portuguesa Liberdade responsável no Culto e nas atividades pastorais [Lisboa, 30 de setembro de 2021] 1. Bendito seja Deus, Pai de misericórdia, que nos permite retomar gradualmente, de forma responsável, a normalidade da vida pessoal e comunitária, vivendo, convivendo, celebrando, sendo Igreja: assembleia convocada, reunida na presença do seu Senhor e por Ele enviada ao mundo como fermento de comunhão e fraternidade. Nesta hora de ação de graças a Deus, queremos também exprimir o nosso reconhecimento a quantos deram um contributo significativo neste duro combate pela saúde, que ainda não terminou. Diante do Deus da Vida, em atitude de oração, fazemos memória dos inúmeros irmãos e irmãs que mais sofreram com esta pandemia e suas consequências, sobretudo daqueles que faleceram e suas famílias. 2. Mantendo-se o apelo a um comportamento responsável, o país assiste ao termo ou mitigação de muitas das medidas de proteção à saúde … >> continuar a ler

A atitude dos discípulos é muito humana

É bom refletir sobre este episódio do Evangelho, e fazer um pouco de exame de consciência. A atitude dos discípulos de Jesus é muito humana, deveras comum, e podemos encontrá-las nas comunidades cristãs de todos os tempos, provavelmente até em nós mesmos. Em boa-fé, aliás com zelo, gostaríamos de proteger a autenticidade de uma certa experiência, tutelando o fundador ou o líder contra os falsos imitadores. Mas, ao mesmo tempo, há como que o medo da “concorrência” – e é feio ter medo da concorrência – que alguém possa subtrair novos seguidores, e então não conseguimos apreciar o bem que os outros praticam: não está bem, porque “não é dos nossos”, diz-se. É uma forma de autorreferencialidade. Aliás, aqui está a raiz do proselitismo. E a Igreja – dizia o Papa Bento – não cresce por proselitismo, mas por atração, isto é, cresce pelo testemunho dado aos outros, mediante a … >> continuar a ler

Carta aos diocesanos de Lisboa no início de novo ano pastoral

Divulgada no passado dia 1 de setembro, publicamos aqui, integralmente, a Carta Pastoral de D. Manuel Clemente. Carta aos diocesanos … >> continuar a ler

«Vacinar-se é um ato de amor»

Numa mensagem em vídeo para os povos da América Latina, o Papa Francisco convida à vacinação contra o coronavírus: um … >> continuar a ler

«Para quem iremos, Senhor?»

Naquele tempo, muitos discípulos, ao ouvirem Jesus, disseram:«Estas palavras são duras. Quem pode escutá-las?»Jesus, conhecendo interiormente que os discípulos murmuravam por causa disso, perguntou-lhes:«Isto escandaliza-vos?E se virdes o Filho do homem subir para onde estava anteriormente?O espírito é que dá vida, a carne não serve de nada.As palavras que Eu vos disse são espírito e vida.Mas, entre vós, há alguns que não acreditam».Na verdade, Jesus bem sabia, desde o início, quais eram os que não acreditavam e quem era aquele que O havia de entregar. E acrescentou:«Por isso é que vos disse: Ninguém pode vir a Mim, se não lhe for concedido por meu Pai».A partir de então, muitos dos discípulos afastaram-se e já não andavam com Ele. Jesus disse aos Doze:«Também vós quereis ir embora?»Respondeu-Lhe Simão Pedro:«Para quem iremos, Senhor? Tu tens palavras de vida eterna. Nós acreditamos e sabemos que Tu és o Santo de Deus». (Jo 6, … >> continuar a ler

Naqueles dias, Maria pôs-se a caminhoe dirigiu-se apressadamente para a montanha,em direção a uma cidade de Judá.Entrou em casa de Zacarias e saudou Isabel.Quando Isabel ouviu a saudação de Maria, o menino exultou-lhe no seio.Isabel ficou cheia do Espírito Santo e exclamou em alta voz:«Bendita és tu entre as mulheres e bendito é o fruto do teu ventre.Donde me é dado que venha ter comigo a Mãe do meu Senhor?Na verdade, logo que chegou aos meus ouvidos a voz da tua saudação,o menino exultou de alegria no meu seio.Bem-aventurada aquela que acreditouno cumprimento de tudo quanto lhe foi dito da parte do Senhor».Maria disse então:«A minha alma glorifica o Senhore o meu espírito se alegra em Deus, meu Salvador,porque pôs os olhos na humildade da sua serva:de hoje em diante me chamarão bem-aventurada todas as gerações.O Todo-Poderoso fez em mim maravilhas: Santo é o seu nome.A sua misericórdia se estende … >> continuar a ler

<< ver artigos anteriores

horarios

Horários

    Missas

    • Sábado
    • 17h (vespertina)
      19h
      Capela de St.º António
      Igreja Matriz
    • Domingo
    • 9h30
      11h30
      19h
      Igreja Matriz
      Igreja Matriz
      Igreja Matriz
    • Semana
    • 2.ª a 6.ª feira
      3.ª e 5.ª feira
      19h
      9h30

    Acolhimento

    • Para diálogo, Sacramento da Reconciliação ou aconselhamento espiritual.
    • 3.ª feira
      4.ª feira
      5.ª feira
      6.ª feira
      17h-18h30
      17h-18h30
      10h-11h30
      17h-18h30
    • Outros momentos, fora destes períodos, poderão ser combinados.

    Abertura/Fecho da igreja

    • De segunda a sexta:
    • 9h-12h 17h-19h30
    • Sábado:
    • 9h-12h 17h-20h
    • Domingo:
    • 9h-12h30 17h-20h
avisos

Informações