Quaresma 2014 – Viver a Quaresma a caminho com a nossa Catequese paroquial

Quaresma:

40 anos do povo de Deus no deserto…
40 dias de Jesus no deserto, quando se preparava para cumprir a sua missão…
40 dias antes da festa mais importante da Igreja…

Se a QUARESMA é o tempo de preparação para a festa mais importante da Igreja, deve ter a atenção e dedicação que a preparação de uma festa implica. De um modo particular, preparar a festa da Páscoa implica meditar sobre o motivo que lhe dá sentido: a vida de Cristo e a expressão máxima do seu amor por nós, com o cumprimento da promessa da RESSURREIÇÃO!

Actualmente, no mundo a transbordar de informação, de responsabilidades, de horários a cumprir e inúmeras tarefas quotidianas, a Quaresma apresenta-se como um DESAFIO: encontrar, na agitação da vida, um espaço e um tempo de DESERTO. E, nesse deserto, cada um é convidado a escutar de forma mais intensa a Palavra de Deus, fazer uma revisão de vida sincera, resistir ao mal e valorizar as bênçãos de cada dia, cultivar o amor a Deus e ao próximo.

À luz do Evangelho, podemos ver e pensar a vida de Jesus, no seu exemplo de serviço e de amor ao próximo, e confrontar honestamente com o nosso comportamento quotidiano.

O Papa, na sua mensagem para a Quaresma, escolhe um tema principal para guiar o caminho quaresmal dos cristãos.

Este ano, o Papa Francisco propõe a reflexão sobre a mensagem de uma frase de S. Paulo: “Conheceis a bondade de Nosso Senhor Jesus Cristo, que, sendo rico, Se fez pobre por vós, para vos enriquecer com a sua pobreza” (2 Cor 8,9).

Na Catequese, o catequista tem a missão de sensibilizar e incentivar as crianças para a experiência de penitência, conversão, preparação do coração para receber a verdade da ressurreição.

A campanha da Quaresma (…) propõe que, a partir da mensagem do Papa, os catequistas possam ajudar as crianças a compreender a pobreza de Cristo, e o seu exemplo de serviço aos outros. De modo mais específico, pretende-se que a ideia de pobreza conduza uma reflexão sobre “aquilo que não se compra”, e à valorização da dimensão relacional na vida de cada um, incluindo a relação com os outros e com Deus.

+ ver todos os artigos +

horarios

Horários

    Missas

    • Sábado
    • 17h (vespertina)
      19h
      Capela de St.º António
      Igreja Matriz
    • Domingo
    • 9h30
      11h30
      19h
      Igreja Matriz
      Igreja Matriz
      Igreja Matriz
    • Semana
    • 2.ª a 6.ª feira
      3.ª e 5.ª feira
      19h
      9h30

    Acolhimento

    • Para diálogo, Sacramento da Reconciliação ou aconselhamento espiritual.
    • 3.ª feira
      4.ª feira
      5.ª feira
      6.ª feira
      17h-18h30
      17h-18h30
      10h-11h30
      17h-18h30
    • Outros momentos, fora destes períodos, poderão ser combinados.

    Abertura/Fecho da igreja

    • De segunda a sexta:
    • 9h-12h 17h-19h30
    • Sábado:
    • 9h-12h 17h-20h
    • Domingo:
    • 9h-12h30 17h-20h
avisos

Informações